Leões de Porto Salvo recebem este sábado um jogo electrizante…

Leões de Porto Salvo recebem este sábado um jogo electrizante…

Rodrigo Pais de Almeida faz a antevisão do jogo que colocam os Leões de Porto Salvo (5º) frente ao Eléctrico de Ponte Sôr (8º).

RPA » Regressamos à Liga Sport Zone após uma paragem que, para os Leões de Porto Salvo veio na pior altura. A equipa vinha de quatro jogos positivos (dois para a Liga Sport Zone, um para a Taça da Liga e outro para a Taça de Portugal), a conseguir traduzir em campo a estratégia jogo após jogo, com índices físicos crescentes e a subir paulatinamente na classificação. Parar numa altura de ascendente exibicional e pontual nunca é o que desejamos pois pode significar reduzir os níveis de concentração, de treino e de rigor no mesmo, mas cabe nos essa missão de manter o grupo focado e a trabalhar nos limites.

Vamos receber em Porto Salvo uma equipa que sendo estreante na Liga Sport Zone alterou de forma substancial o seu plantel tendo formado um conjunto de jogadores de qualidade indiscutível, com créditos firmados em Portugal e no estrangeiro, e que se reforçou recentemente com um jogador que lhe permite encarar o jogo de uma forma alternativa para a qual não esteve dotada na primeira parte da temporada. O Elétrico de Ponte de Sor é uma equipa fisicamente muito disponível, muito intensa, que joga mesmo nos limites da agressividade e das regras do jogo, impondo um estilo muito próprio tentando gerir o ritmo do jogo muito alto o que torna os confrontos muito atléticos, muito “partidos”, com muitas oportunidades de golo, o tipo de jogo que os adeptos adoram, mas os treinadores detestam. Com um estilo de jogo muito assente na mobilidade dos seus intervenientes tentando balancear os seus adversários por forma a conseguirem ou superioridades numéricas após a recuperação de bola em zonas do terreno mais avançadas, ou situação de homem a homem nas alas. O Elétrico aproveitou bem o mercado equilibrando a sua baliza e encontrando uma solução para jogar de Pivot muito interessante. O André é um jogador de créditos firmados internacionalmente, identificado com as ideias do treinador, que conhecemos muito bem e que se vai juntar a um lote recheado de talento onde têm despontado Wendell, Renan, Nem, Bochum, Pina, Ruizinho e Marinho. Um conjunto de jogadores de enorme qualidade e que recentemente cometeu a proeza de eliminar o Sporting de uma competição.

Da nossa parte sabemos da importância deste jogo. Vamos jogar em nossa casa contra um adversário que nos causou mossa na primeira volta do campeonato vencendo de forma inequívoca, que está dentro dos lugares de Playoff e que pretende chegar a esse objetivo, mas que temos de encontrar forma de suplantar e de somar três pontos por forma a continuarmos dentro do que são as nossas pretensões para a época em curso. Temos uma equipa forte, coesa e que nos permite encarar o jogo de diversas formas adotando vários estilos de jogo, várias estratégias no decorrer do mesmo e no qual confiamos cegamente. Vai ser certamente um jogo muito disputado, espero e desejo que de uma forma leal e ordeira, e onde vencerá a equipa que melhor se adaptar ao adversário e que conseguir gerir o espaço e o tempo de jogo, sendo certo que ambas as equipas desejam o mesmo, vencer.